Conteúdo em vídeo alcança 99,63% da população brasileira, afirma estudo

Publicidade

Em 2023, o consumo de vídeo em diferentes formatos alcançou 99,63% da população brasileira. Na média diária, 5h14min foram dedicadas a televisão linear (TVs aberta e paga), enquanto 2h23min foram desfrutadas por meio de plataformas de vídeo online. É o que aponta o Inside Video 2024, estudo da Kantar IBOPE Media.

É válido ressaltar que, além de ser multiformato, o vídeo se consolida como multiplataforma. Em outras palavras, ele é cross-media. Em 2023, 17,31% da audiência de vídeo em um dia típico ocorreu via televisão (conectada ou não) e smartphones. Inclusive, as TVs Conectadas vêm conquistando cada vez mais espaço nos lares brasileiros. De 2017 a 2023, sua penetração cresceu 23 pontos percentuais.

Dentre os formatos disponíveis, os chamados Shoppable Vídeos, que permitem aos consumidores clicarem nos itens mostrados no vídeo e serem direcionados para a página de compra, são apontados como tendência. Isso está relacionado ao fato de que 41% dos usuários de internet no Brasil prestam mais atenção aos anúncios em vídeo na web do que a outros tipos de propagandas no meio.

O consumo de vídeo, no entanto, não deixa de enfrentar alguns percalços. Principalmente, quando o assunto é conteúdo online. Em 2023, 44% do público de VOD (Vídeo sob demanda, em tradução livre) afirmaram utilizar apenas o período gratuito do provedor e, então, trocar de player.

Metodologia

O Inside Video 2024 usa dados do Painel 2.0, tecnologia inovadora de medição de audiência que une informações do Focal Meter (FM), instalado no roteador dos domicílios medindo o tráfego de internet, e do peoplemeter DIB 6, que identifica a audiência de TV. 

Essa medição mais completa dos espectadores brasileiros vem sendo feita pela Kantar IBOPE Media desde 2022. São coletadas amostras das 15 maiores regiões metropolitanas do País.

LEIA TAMBÉM:


Aproveite para nos acompanhar nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram, Youtube e também no Google News

Quer receber notícias direto no seu celular? Entre para o nosso grupo no WhatsApp ou no canal do Telegram.

Última Notícia

Mais recentes

Publicidade

Você também pode gostar: