O que acontece com as pessoas depois que morrem? Entenda o final de Profecia do Inferno

Publicidade

Profecia do Inferno, a nova série de terror sobrenatural da Netflix, é tão imprevisível quanto inquietante. No final de seis episódios tensos, o drama coreano entrega sua conclusão surpreendente e satisfatória para a primeira temporada, bem como muitas perguntas sobre o que pode acontecer em uma potencial 2ª temporada. 

Aqui vamos destacar tudo que aconteceu no desfecho e explicar o final de Profecia do Inferno:

O bebê sobrevive à demonstração?

No episódio final de Profecia do Inferno, somos levamos à acreditar que esse programa não teria coragem de mostrar um bebê sendo assassinado por monstros. Não é mesmo? De fato, a brutalidade desta série Netflix é notável e culmina nesse momento chocante, que quase se consolida.

No episódio 6, Sohyun inicialmente pretende aceitar a morte de seu bebê, mas, no último minuto, ela decide não ficar parada passivamente. Ela mergulha na frente de um dos monstros-demônios que se aproximam, tirando seu bebê de suas garras brutais. Ela, o marido Youngjae e a advogada Min Hyejin conseguem lutar contra os três monstros por um tempo enquanto os vizinhos de Kim Dongwook testemunham com seus olhos (e smartphones), demonstrando que é possível lutar contra o fenômeno sobrenatural em vez de aceitar o o mais terrível dos destinos.

Eles só podem lutar contra os monstros por um certo tempo, mas a violência não é a única opção. Youngjae e Sohyun tomam a decisão final de proteger seu bebê. Eles protegem o recém-nascido entre os dois, e Youngjae une sua família. Quando os monstros usam seus poderes de luz para queimar o bebê, Toughie enfim sobrevive. Youngjae e Sohyun morrem no esforço.

Quem é o Messias?

Uma das maiores reviravoltas no final da temporada é a revelação de que o homem que levou Hyejin, Youngjae, Sonhyun e Toughie é Lee Dongwook, também conhecido como o homem maquiado responsável pelas transmissões ao vivo de Arrowhead antes do salto no tempo. Aprendemos por meio de narração e flashback que Dongwook interrompeu suas transmissões após um decreto dizendo que ele morreria em três anos.

Embora a demonstração abale sua fé, Dongwook se recupera quando Toughie e companhia aparecer em sua porta, pronto para mergulhar de volta no sistema maníaco, movido a energia, do qual ele foi uma parte influente dentro da Arrowhead. Ele chama o presidente Jeongchil e o Comitê da Nova Verdade para obter corroboração sobre o que ele já acredita ser verdade: ele é um messias e Deus lhe deu uma missão especial. Acontece que a demonstração de Dongwook está marcada para apenas cinco minutos após a de Toughie, então ele planeja fazer parecer que o vídeo do decreto do recém-nascido era falso, e que ele é o único que Deus está vindo naquele dia. Não é um plano infalível, mas dá à liderança da Nova Verdade uma pista sobre onde eles podem encontrar Toughie, e dá a Dongwook o senso de propósito e significado para sua vida e morte que ele tanto deseja.

A partir daí, Dongwook tira o pó de sua máscara e tinta, e imediatamente começa a infligir violência em nome de Deus. Primeiro, ele mata um dos membros do Sodo que vinham ajudar a preparar a transmissão. Então, ele vai atrás de Youngjae, Hyejin, Sohyun e Toughie. Hyejin derruba, mas ele volta seguindo o sacrifício de Sohyun e Youngjae, com planos de matar Toughie. Antes que ele pudesse apunhalar o bebê, no entanto, Hyejin o aborda, e os monstros-demônios aparecem para matá-lo na hora marcada.

O poder da Nova Verdade em queda

Mudança leva tempo (como demonstrado por um salto temporal no meio da temporada), mas o mundo também parece pronto para aceitar a percepção de que a Sociedade Nova Verdade é um bando de valentões famintos de poder; depois de testemunhar a sobrevivência de Toughie, as pessoas começam a se voltar contra os diáconos da Nova Verdade. Seu governo autoritário está sendo corroído por algumas questões difíceis de ignorar: Como um recém-nascido poderia ser capaz de pecar, se o “pecado original” não existe na doutrina da Nova Verdade? Além disso, como poderiam os monstros-demônios matar duas pessoas que não foram condenadas à morte e deixar uma terceira que foi declarada para morrer viva?

O diácono Yuji chega tarde demais para interromper a transmissão e fica muito zangado, especialmente depois de ter sido envergonhado e repreendido pelo presidente Kim Jeongchil por seus fracassos anteriores. Quando um homem mais velho na multidão chama a Nova Verdade de “vigaristas patéticos” e “um bando de mentirosos”, ele bate no homem até deixá-lo inconsciente. A sociedade tem sido tolerante com este nível de violência da Nova Verdade e da Arrowhead antes, mas não mais agora. A multidão fica horrorizada, assim como um dos policiais que está por perto.

Durante a maior parte da história do salto no tempo, os policiais estiveram dispostos a fazer tudo o que a a Nova Verdade mandou, mas aparentemente não fizeram. Ou pelo menos não este policial. Ele prende o diácono Yuji por agressão e o leva algemado. O diácono não consegue acreditar, gritando “a vontade de Deus” enquanto caminha. Mas, com um ato de amor e proteção dos pais (e a recusa de Hyejin em ficar parado e assistir enquanto as pessoas sofrem), o dano já está feito. O poder da Nova Verdade foi seriamente desafiado e as pessoas estão finalmente dispostas a pelo menos considerar questionar.

A mensagem de Profecia do Inferno

Após a morte de Sohyun e Youngjae, Hyejin pega Toughie e sai mancando noite adentro. Sua saída é protegida pelos transeuntes que viram tudo cair; eles impedem que a Nova Verdade e a polícia os sigam. De lá, Hyejin machucada e ensanguentada chama um táxi e pede para ser levada o mais longe possível na rua principal. Neste ponto, muitas pessoas traíram Hyejin quando ela está vulnerável e tentando proteger os outros. Mas não desta vez. 

O motorista de táxi, um homem mais velho, reconhece Hyejin à primeira vista e sinaliza que ajudará a mantê-la segura, observando que eles tomarão uma estrada diferente para evitar um posto de controle policial. É então que ele mais ou menos apresenta o tema da primeira temporada: “Não sei muito sobre Deus e nem me importo”, diz o taxista a uma Hyejin exausta. “Mas há algo que acho que sei: é que este mundo pertence aos humanos. E devemos resolver nossos problemas nós mesmos”.

O homem – e a própria série em si – estão fazendo uma declaração sobre o perigo potencial da religião, ou pelo menos o fanatismo religioso. Na história da humanidade, muitos usaram Deus como desculpa para comportamentos egoístas, odiosos e prejudiciais, como desculpa para acumular e/ou consolidar poder. Muitos filmes e programas de TV que apresentam esse argumento tendem a ser ateus ou agnósticos na construção do mundo; Profecia do Inferno, no entanto, construiu a probabilidade de algum tipo de poder superior em sua construção mundial. 

Podemos não saber de onde vêm as criaturas sobrenaturais ou para onde as pessoas vão depois de serem mortas, mas a série não descarta a possibilidade de algum tipo de poder superior. Isso faz com que o argumento da série de que devemos criar sistemas humanos justos que trabalhem para proteger os inocentes e que ofereçam a chance de assumir responsabilidades e buscar redenção para aqueles que pecaram, ainda mais poderosos.

O que acontece com as pessoas depois que morrem?

Bom, ninguém sabe ao certo. Eles poderiam legitimamente ir para o inferno, e é bom que a série não responda a essa pergunta logo na primeira temporada, já que é assim que todos nós vivemos a vida também: incapaz de realmente saber o que acontece com uma pessoa depois que ela morre. Possivelmente, os decretos nem sempre significam uma sentença de morte para o inferno (embora sempre signifiquem uma sentença de morte). Às vezes, uma pessoa receberá um pronunciamento de sua morte acompanhado da notícia de que irá para o céu. No entanto, esse não parece ser o caso nesta série. Só vamos descobrir no futuro.

Park Jungja volta à vida

Embora possamos não saber o que acontece com as pessoas depois que morrem em uma demonstração, o final da temporada oferece o método potencial que podemos descobrir mais sobre na 2ª.

Os momentos finais da temporada acontecem em um dos “espaços sagrados” da Nova Verdade, também conhecidos como locais de manifestações que foram transformados em atrações turísticas para seguidores da sociedade. A morte de Park Jungja nas mãos de misteriosos monstros sobrenaturais foi a primeira transmissão de demonstração da Nova Verdade, o que a torna um local especial. É para onde voltamos para a última cena, que mostra o cadáver de Jungja retornando à vida. Park Jungja acorda, nua e sozinha, sugando oxigênio para os pulmões, provavelmente pela primeira vez em quatro anos. Ela deve se reunir com seus filhos que estão no Canadá. Mas o que a trouxe de volta afinal? Ainda não sabemos.

Todos os mortos retornarão também?

O retorno de Park Jungja leva a muitas outras questões, mas a maior delas é: as outras vítimas da manifestação também voltaram? Embora Jungja tenha sido a primeira vítima que conhecemos antes de sua demonstração, a série começa com o assassinato de um homem fora da estação Hapseong. Ele voltou? Ele vai voltar? O presidente Jeong, a pessoa que começou todo esse negócio da Nova Verdade, voltará também? Isso foi resultado da sobrevivência de Toughie, ou das mortes não decretadas de Sohyun e Youngjae nas mãos dos monstros-demônios? E como a sociedade reagirá ao retorno de Park Jungja? Tantas perguntas para uma potencial segunda temporada.

Vale lembrar que Profecia do Inferno ainda não está renovada para uma nova temporada, mas isso deve acontecer muito em breve uma vez que Profecia do Inferno está sendo um grande sucesso. Só nos resta esperar e, até lá, tentar não pecar!

Leia também: Euphoria | 2ª temporada ganha trailer e data de estreia; vem ver!


Já conhece nosso canal do YouTube? Lá tem vídeo quase todo dia. Se inscreve! Dá uma olhada no nosso vídeo mais recente:

Aproveite para nos acompanhar nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram, Youtube e também no Google News.

Quer receber notícias direto no seu celular? Entre para o nosso grupo no WhatsApp ou no canal do Telegram.

xxx
Última Notícia
Publicidade

Mais lidas

Mais recentes