Início Artigos O Pai que Move Montanhas | Conheça a DRAMÁTICA história real por...

O Pai que Move Montanhas | Conheça a DRAMÁTICA história real por trás do filme da Netflix

0
1064
Publicidade
Publicidade

Chegou ao catálogo da Netflix um dos filmes mais comoventes recentes da plataforma, o drama romeno O Pai que Move Montanhas, estrelado por Adrian Titieni. Mas será mesmo que o longa é baseado em uma história real de um pai que luta contra as forças da natureza para salvar seu filho? Neste artigo vamos contar tudinho sobre o que há por trás do filme!

Mas antes, sobre o que a trama se trata?

Na trama, Mircea é um policial ambiental aposentado que recebe a notícia que seu filho desapareceu nas montanhas e vai procurá-lo. Depois de dias de busca sem sorte, Mircea monta seu próprio time e volta para as buscas, provocando um confronto com o time de buscas local, mas que não vai impedi-lo de parar a busca.

Veja o trailer:

O Pai que Move Montanhas é baseado em uma história verídica?

Acertou quem disse que sim. O filme da Netflix é baseado em uma história verídica. O roteirista e diretor Daniel Sandu supostamente desenvolveu o filme a partir de uma história que viu no noticiário em 2009. Ele ficou surpreso com a resiliência dos pais cujo filho havia desaparecido. Acidentes em montanhas acontecem todos os anos. São tragédias terríveis, mas o que chamou a atenção de Sandu para a história foi a reação do pai ao desaparecimento do filho nas montanhas. Como Mircea, esse indivíduo da vida real parecia ser um homem rico e aparentemente utilizou esse privilégio para encontrar seu filho.

Porém, quanto mais ele tentava, mais inacessíveis as montanhas se tornavam, como se a natureza respondesse ao desafio do pai. A história continuou sendo um importante tópico de notícias por um tempo, mas a mídia começou a perder o interesse porque não houve um desenvolvimento significativo. Mas esse não foi o caso de Sandu, que ainda estava muito empenhado em saber o resultado final do incidente. Ele continuou acompanhando a história na internet.

Na época, Sandu não tinha ideia de que acabaria por fazer um filme inspirado no incidente. Mas em 2013, quando ele estava tentando desenvolver um anti-herói realista, ele se lembrou daquele pai rico de anos antes. Enquanto trabalhava no projeto, Sandu canalizava as emoções que sentia enquanto observava aquela mobilização sem precedentes de pessoas em um momento de crise.

Pode ser difícil torcer pelo protagonista, apesar de seu filho estar desaparecido. Mircea não é o personagem mais simpático. Mas como ele continua dizendo aos outros ao longo do filme, se seus filhos estivessem desaparecidos e eles tivessem o acesso que ele tem, eles teriam feito a mesma coisa que ele. A vida de seus próprios filhos teria precedência; não importaria por quanto tempo eles estivessem desaparecidos e como seria mais sensato alocar alguns dos recursos para outros.

De acordo com Sandu, uma pessoa não deve ser julgada pela forma como reage a uma situação como essa, pois isso muda fundamentalmente a escala de valores de uma pessoa. É extremamente conveniente para um estranho ser objetivo, mas quando alguém que você conhece e ama está em perigo, o conceito de objetividade deixa de existir. Em uma entrevista, Sandu afirmou que deixou para o público decidir se as ações de Mircea eram justificáveis. Claramente, Sandu ficou profundamente comovido com o incidente de 2009 e o usou como inspiração para O Pai que Move Montanhas.

E ai, o que achou do filme? O Pai que Move Montanhas já está disponível na Netflix.


Já conhece nosso canal do YouTube? Lá tem vídeo quase todo dia. Se inscreve! Dá uma olhada no nosso vídeo mais recente:

Aproveite para nos acompanhar nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram, Youtube e também no Google News.

Quer receber notícias direto no seu celular? Entre para o nosso canal no Telegram.

Publicidade
DC FanDome #Crítica | O Menino Que Matou Meus Pais #Crítica | A Menina Que Matou os Pais Curiosidades La Casa de Papel Atores e atrizes de tv mais bem pagos