Ao que parece, os escândalos de abusos sexuais de Hollywood estão longe de encerrar.

Em novembro, a atriz Allison Mack, 35 anos, que ficou conhecida por interpretar Chloe Sullivan em Smallville, foi acusada de ser uma das líderes de um culto sexual, investigada por extorquir, espancar e tatuar a pele dos seus membros.

Segundo o Artvoice, a polícia reuniu provas suficientes e ela será acusada em breve, podendo pegar até mesmo prisão perpétua.

Durante a investigação a polícia descobriu que outra atriz de Smallville também estava envolvida na seita: Kristin Kreuk, a Lana Lang.

Frank Parlato, antigo porta-voz do grupo, foi o autor da acusação que revelou que Mack era uma das líderes do grupo, responsável por recrutar jovens. O grupo funcionava como um esquema de pirâmide. Quem não recrutasse novos membros era espancado com uma pá nas nádegas e tatuado.

A “irmandade” se chama DOS, e traz uma hierarquia de mestre e escravo. Mack supostamente era a líder de um grupo de “escravas” para poderosos executivos de Hollywood, e sugeria punições físicas a quem não cumprisse ordens.

Comments