O Curioso Caso de Natalia Grace | Como está Anna Gava, a suposta mãe biológica de Natalia, atualmente?

Publicidade

Michael e Kristine Barnett estavam alheios aos problemas que enfrentariam após adotarem Natalia Grace, uma ucraniana de seis anos, em 2009. Embora não tenha demorado muito para que os Barnett percebessem que ela poderia ser muito mais velha do que a certidão de nascimento afirmou, ela também gostava da violência e parecia disposta a prejudicar sua família adotiva. ‘O Curioso Caso de Natalia Grace’, da Investigation Discovery/Max, narra o incidente chocante e até retrata como uma mulher ucraniana chamada Anna Gava se revelou como a mãe biológica de Natalia. Como tal, não é de admirar que alguém fique intrigado com os detalhes do caso e queira descobrir onde Anna Gava está hoje em dia.

Quem é Anna Gava?

Embora não se saiba muito sobre Anna Gava, os relatórios afirmam que ela é ucraniana, nascida em 1979, e cresceu em uma família unida ao lado de uma irmã gêmea. Ela e sua irmã, Tatyana Gava, mantinham um vínculo estreito desde a infância, e esta sabia que Anna havia concordado em deixar um casal estrangeiro adotar sua filha, Natalia. No entanto, Tatyana insistiu que sua irmã foi perseguida por jornalistas desde que ela mandou Natalia embora, o que forçou a ucraniana a viver uma vida privada.

Anna inicialmente ficou muito feliz quando engravidou de Natalia (chamada Natasha na Ucrânia), mas os médicos logo descobriram que a criança nasceria com uma forma rara de nanismo chamada displasia espondiloepifisária congênita. Por isso, aconselharam-na a entregar o bebê, pois ela não conseguiria se movimentar adequadamente e poderia ter que viver a vida inteira em agonia. No entanto, como mãe, Anna nunca poderia abandonar o seu bebê, por isso contatou as autoridades e providenciou para que Natalia fosse adotada por Gary e Diane Ciccone, um casal dos Estados Unidos.

Gary e Diane trouxeram Natalia para os EUA em 2008, mas em poucos meses procuravam uma saída para o acordo. Na verdade, o programa mencionou que eles tentaram entregá-la a casais aleatórios em várias convenções da Little People e até contataram as autoridades para uma adoção emergencial. Foi então que Kristine e Michael Barnett receberam Natalia em sua casa.

Anna Gava prefere levar uma vida tranquila hoje

Pouco depois de Natalia se mudar para a casa dos Barnett, ela teria mostrado sinais de violência e até falado sobre prejudicar sua família adotiva. Além disso, embora os relatórios mencionem que ela tinha menstruação regular e pêlos pubianos, indicando que ela era mais velha, Michael insistiu que acordou uma noite e encontrou a nativa ucraniana parada ao pé da cama com uma faca. Essas alegações se espalharam rapidamente e logo Anna Gava se viu perseguida por repórteres em cada esquina. Mesmo assim, ela enfrentou os repórteres e se revelou a mãe biológica de Natalia em 2019.

Anna até insistiu que sua filha nasceu em 2003, exatamente como afirmava a certidão de nascimento original, e afirmou que Natalia nunca seria capaz das coisas de que os Barnetts a acusaram. Ao mesmo tempo, ela fez um apelo aberto à filha, pedindo-lhe que a perdoasse e visitasse a Ucrânia o mais rápido possível, pois ela tinha outros três irmãos que mal podiam esperar para conhecê-la. Atualmente, Anna prefere ficar longe do frenesi da mídia, embora relatos afirmem que ela reside em Mykolaiv, na Ucrânia, perto do Mar Negro. Além disso, também não está claro se ela está em contato com Natalia, que atualmente mora com Antwon e Cynthia Mans em Indiana.

Quanto à resposta de Natalia aos apelos de Anna, não parece que a primeira esteja com disposição para a reconciliação com sua suposta mãe biológica. Na 2ª temporada de ‘O Curioso Caso de Natalia Grace’, Natalia afirmou que, embora entendesse o desejo de Anna de querê-la de volta, a família Mans é a única que ela reconheceu como sua. Por isso, ela afirmou que não sentia necessidade de se reconectar com seu passado, especialmente porque aparentemente ainda está traumatizada pelo tempo que passou no orfanato ucraniano, onde aparentemente passou os primeiros anos de sua vida.

LEIA TAMBÉM:


Aproveite para nos acompanhar nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram, Youtube e também no Google News

Quer receber notícias direto no seu celular? Entre para o nosso grupo no WhatsApp ou no canal do Telegram.

Última Notícia

Mais recentes

Publicidade

Você também pode gostar: