Napoleão | Ridley Scott responde comentários sobre fidelidade do filme: “vocês estavam lá?”

Publicidade

Sincerão! Ridley Scott, o diretor de Napoleão, reagiu em entrevista recente aos comentários de que seu filme não retrata com fidelidade os eventos históricos nos quais se baseia.

Em entrevista à Vulture, Scott comentou sobre os dilemas que envolvem produzir um filme épico como Napoleão, e as inevitáveis críticas que surgem quando o tema é fidelidade histórica em adaptações cinematográficas:

“Todo mundo tem uma opinião sobre o que realmente aconteceu, e eu sempre pergunto: ‘Você estava lá?’. Existem 10.000 livros sobre Napoleão, e eles estão cheios de verdades e conjecturas. Mas deixei a leitura dos livros para o pobre coitado que teve que escrever o roteiro.”

Leia também: Crítica | Napoleão – Caos visceral em estudo perspicaz do ego frágil

Sobre Napoleão

O filme é um épico de ação que traz um olhar pessoal e original da ascensão e queda do imperador francês Napoleão Bonaparte, uma das figuras públicas mais famosas da história mundial. Táticas militares e políticas visionárias são embaladas pelo seu amor volátil e viciante por Josefina, interpretada por Vanessa Kirby.

“Napoleão” tem direção de Ridley Scott, cineasta que marcou gerações com “Alien” (1979) e “Blade Runner” (1982). O roteiro é de David Scarpa, que assina produções como o filme “A Última Fortaleza” (2001) e a série “O Homem do Castelo Alto” (2019).

O filme estreia nos cinemas em 23 de novembro e ficará disponível no Apple TV+ posteriormente.

Leia também:


Aproveite para nos acompanhar nas redes sociais: FacebookTwitterInstagramYoutube e também no Google News.

Quer receber notícias direto no seu celular? Entre para o nosso canal no WhatsApp ou no Telegram.

Última Notícia

Mais recentes

Publicidade

Você também pode gostar: