Biohackers estreou no Netflix dia 20 de agosto e já foi renovada para a segunda temporada. A série original alemã teve um bom feedback após o lançamento da 1ª temporada e com isso ganhou sequência.

Biohackers conta uma história de tecnologia revolucionária de biohacking e intriga em uma universidade alemã, com foco em um estudante misterioso interpretado por Luna Wedler. As filmagens da 2ª temporada começarão nos próximos meses em Freiburg e Munique.

A série foi criada por Christian Ditter, que atua como showrunner, diretor e escritor. Ditter é um cineasta alemão estabelecido nos Estados Unidos após dirigir a comédia romântica com Dakota Johnson e Rebel Wilson, ‘How To Be Single’ e o romance de Lily Collins e Sam Claflin, ‘Love, Rosie’, bem como a série americana da Netflix, Girlboss.

“É ótimo que o Biohackers continue. Tematicamente, a segunda temporada também lidará com questões morais e éticas em torno de biohacking e edição de genoma”, disse Ditter ao Deadline.

O codiretor Tim Trachte também retornará para a segunda temporada. Os produtores são Claussen + Putz Filmproduktion GmbH, com financiamento do German Motion Picture Fund e FilmFernsehFonds Bayern.

“Dada a resposta extremamente positiva à primeira temporada, estamos entusiasmados em entrar em outra temporada de Biohackers com Christian Ditter, Claussen + Putz e as duas atrizes excepcionais, Luna Wedler e Jessica Schwarz nos papéis principais. Estamos muito entusiasmados para descobrir como as coisas continuarão entre Mia e a Prof. Tanja Lorenz”, disse Rachel Eggebeen, Diretora da Série Original Alemã da Netflix.

A Alemanha vem ganhando notoriedade com suas séries originais, já que outras produções também se tornaram destaque no mundo, como Dark, Nada Ortodoxa e Como Vender Drogas Online (Rápido).

Share This