A mais recente série do Serviço de Streaming DC UniverseStargirl, está em sua reta final da primeira temporada e já foi renovada para uma segunda temporada de casa nova, o Canal CW. Mas a produção tem muitas referências às obras originais dos quadrinhos que muitos fãs não conhecem. Então separamos aqui algumas obras para conhecer melhor de onde vem os personagens e situações de Stargirl. 

Óbvio que a primeira referência que devemos falar é a própria protagonista, Courtney Whitmore, a Sideral. Criada por Geoff Johns, roteirista e produtor da série, Courtney segue uma linhagem de heróis estrelados que vem desde Starman. Sua origem nas HQs é muito similar ao que vem sendo mostrado no serviço de Streaming até aqui e tudo isso pode ser achado no seu título de estreia, Stars and S.T.R.I.P.E. 

Clique aqui para ver a HQ

Mas o seu legado heroico também é importantíssimo para o desenrolar da trama, muito por causa de Pat Dungan, seu padrasto que outrora foi Listrado, ajudante mirim do Sideral original, Sylvester Pemberton. A dupla fez parte de duas equipes icônicas do universo DC, os Sete Soldados da Vitória e a Sociedade da justiça da América. Os sete Soldados da Vitória também são importantes para entender a importância do Cavaleiro Andante, personagem que parece estar escondido na série. 

Clique aqui para ver a HQ

Mas, diferentemente da série, Sylvester Pemberton nunca foi Starman, ele foi de Sideral para Celestial. O legado de homem das estrelas vem de outra linhagem de heróis, começando com Ted Knight na era de ouro, passando por seus descendentes, David e Jack Knight. 

Clique aqui para ver a HQ

Mas é claro que como criador da personagem e escritor de quadrinhos, Geoff Johns iria puxar a sardinha para suas obras dentro do universo DC e muito do que vemos acontecer na pequena cidade de Blue Valley e nos flashbacks da série vem diretamente do seus quase 10 anos à frente da revista da Sociedade da Justiça da América. 

Clique aqui para ver a HQ

Mas ainda temos alguns episódios pela frente e é provável que tenhamos maisuma enxurrada de referências, então é bem provável que tenhamos mais postagens desse tipo por aqui.

E todas essas referências podem ser encontradas lá no canal A Hora Suave, onde toda semana tem análise dos episódios assim que eles saem!

Share This