Chris Evans já apareceu em mais filmes do Marvel Studios do que qualquer outro ator, e estreou no cinema como Steve Rogers em 2011, em Capitão América: O Primeiro Vingador. Seu tempo como o herói chegou ao fim em Vingadores: Ultimato, quando descobrimos que o Capitão América havia viajado de volta pela história e decidiu viver sua vida ao lado de Peggy Carter.

Durante uma recente entrevista ao Backstage para promover a série do Apple TV + Defending Jacob, Evans refletiu sobre as pressões que surgiram ao assumir um papel tão icônico quanto o Capitão América no MCU.

“Havia uma expectativa enorme que essas pessoas já tinham em mente, essa ideia de quem era esse personagem e você tem que respeitar isso”, explicou. “O público faz parte do que fará com que [esses filmes] funcionem, e devo a esse grupo minha compreensão do que eles veem”.

Evans também falou sobre sua decisão de se afastar do papel e admitiu que já sente falta de se vestir como membro dos Heróis mais Poderosos da Terra. “Adorei meu tempo com a Marvel; já sinto falta, mas não há como negar que é muito emocionante ter total liberdade para perseguir o que meu apetite criativo quiser”.

Apesar de Evans ter essa liberdade para explorar projetos muito diferentes no futuro, a especulação continua a galopar que ele vai repetir o papel em algum momento, seja como Steve Rogers mais velho ou em algum tipo de filme ou série que explora o que aconteceu quando ele voltou. em tempo.

Fonte: CBM

Leave a comment

Share This