Darren Criss diz que não vai mais interpretar personagens LGBTQ

[et_pb_section bb_built=”1″][et_pb_row][et_pb_column type=”4_4″][et_pb_text]

Darren Criss interpretou vários personagens na TV, cinema e teatro, mas ele é mais conhecido por seus papéis como Blaine em Glee e seu recente papel como Andrew Cunanan em O Assassinato de Gianni Versace: American Crime Story para o qual ele ganhou um Emmy e, mais recentemente, uma indicação ao Globo de Ouro. Os personagens são membros da comunidade LGBTQ e Criss, que se identifica como heterossexual, disse que esses serão os últimos personagens queer que ele irá interpretar.

Durante um recente evento do What Comes Next, da Clorox, em Nova York, Criss disse que os papéis gays que ele desempenhou são maravilhosos. Ele seguiu isso dizendo: “Mas eu quero ter certeza de que não serei outro garoto hétero assumindo o papel de homem gay”.

Hollywood está atualmente em transição quando se trata de representação autêntica de personagens LGBTQ, pessoas de cor e outros membros de comunidades marginalizadas – e Criss é muito consciente disso. Ele admite que não se sente mais confortável interpretando esses papéis e que é “infeliz”.

“A razão pela qual digo isso é que interpretar esses personagens é inerentemente uma maravilhosa experiência dramática”, disse ele. “Foi feito para pessoas muito, muito atraentes e interessantes.”

Fonte: Deadline

[/et_pb_text][/et_pb_column][/et_pb_row][/et_pb_section]

Spread the love

Comments

comments

Share This