Pobres Criaturas | 8 melhores cenas de sexo do filme ranqueadas

Publicidade

Pobres Criaturas‘, de Yorgos Lanthimos, é um conto distorcido que desvenda a complexa história de vida de uma mulher chamada Bella Baxter. Criança no corpo de uma mulher adulta, Bella vê o mundo de uma perspectiva única. À medida que seu cérebro começa a crescer, novas portas se abrem para ela e ela decide ser uma aventureira, uma exploradora. Esta aventura e exploração, em grande parte no filme, depende do seu despertar sexual. Como resultado, o filme está cheio de cenas de sexo, todas selvagens à sua maneira, e cada uma tem um significado significativo para a história de Bella.

ALERTA DE SPOILERS!

8. Bella e Toinette

Um dos temas recorrentes de ‘Pobres Criaturas’ é o relacionamento de Bella com os homens ao seu redor. Desde ser protegida por Deus, que tenta entregá-la a Max McCandles, até sua escapada sexual com Duncan Wedderburn, parece que a vida de Bella só é definida pelos homens ao seu redor. Uma vez em Paris, ela começa a sentir o gosto da liberdade de estar sozinha depois de expulsar Duncan de sua vida, mas por causa de todo o sexo, os homens ainda continuam sendo um destaque em sua história.

Depois de uma montagem em que ela faz sexo com todos os tipos de homens, é revigorante vê-la com Toinette, não só porque esta é uma mulher, mas também porque é a primeira vez que Bella parece estar em pé de igualdade com a pessoa que ela está fazendo sexo. Quando ela estava com Duncan, a dinâmica do poder estava a seu favor. A mesma dinâmica continua quando ela começa a trabalhar na Swiney’s. Mas com Toinette é algo muito mais íntimo e significativo porque, a esta altura, ela está muito mais sábia, não apenas sobre o mundo, mas também sobre si mesma.

7. Bella e o Homem Caranguejo

Estranho seria um eufemismo para a história de Bella Baxter, mas mesmo assim, há momentos em que algo ridiculamente mais estranho acontece. A experiência de Bella no Swiney’s mostra a ela que o trabalho sexual nem sempre envolve sexo. A sala e o tempo com ela são o espaço para seus clientes agirem de acordo com os desejos que não gostariam que ninguém soubesse. O Homem Caranguejo é um deles. A cena com ele mostra Bella deitada seminua no sofá enquanto o homem anda para frente e para trás como um caranguejo e come seu cabelo quando ela desvia o olhar. De todas as cenas de sexo do filme, essa se diferencia simplesmente por ser estranha.

6. Bella e o cara BDSM

Assim que Bella consegue o emprego no Swiney’s, a montagem de cenas de sexo apresenta a variedade de experiências que ela tem lá. Uma dessas cenas mostra Bella sendo amarrada e amordaçada, mal vestida. Isso mostra claramente o domínio e a submissão de seu cliente, mas o que torna as coisas um pouco estranhas, por assim dizer, é que seu cliente está mais interessado em transar com sua perna. É uma cena fugaz, mas faz um ótimo trabalho ao mostrar a variedade da reação dos clientes do Swiney’s e de Bella, que está em algum lugar entre sua irritação e a banalidade do ato, o que aumenta a profundidade da cena.

5. Bella e Monsieur Saveur

Quando Bella aborda Swiney com um pedido de emprego, ela tem a impressão de que o sexo não será tão divertido quanto foi com Duncan. Ela percebe que nem todos os homens são bons nisso, pelo menos não como Duncan, em seu primeiro encontro durante um teste, quando ela descobre que pode ganhar dinheiro com sexo. Mesmo assim, sua experiência era muito limitada. É quando ela realmente consegue o emprego e tem seu primeiro cliente oficial que ela percebe que há mais do que duas maneiras de fazer sexo. É uma grande revelação para ela.

4. Bella e o Padre

Quando Bella é contratada por Swiney, ela rapidamente percebe que sexo por dinheiro não será como foi com Duncan. Ela tem muita experiência com diversos tipos de clientes, mas mesmo em meio a tudo isso, encontra alguém que tem dom para isso, assim como Duncan fez. Ela passa a apreciar mais porque, até agora, já passou por algumas experiências difíceis. Ela também deixa o cliente saber disso, dizendo-lhe que Deus lhe deu um presente. Mas acaba sendo um elogio irônico (embora Bella provavelmente não saiba disso) quando é revelado que o homem em questão é um padre.

3. Bella e Duncan em Lisboa

Bella sempre quis escapar dos muros da casa dos Baxter, aventurar-se no mundo e experimentá-lo em toda a sua glória. Só quando Duncan Wedderburn entra em sua vida é que ela finalmente tem a chance de colocar um pouco de cor em seus dias monótonos. Ele leva-a numa viagem a Lisboa, e é aqui que a sua educação em sexo e prazer realmente começa. Embora façam sexo antes de chegarem a Lisboa, é quando chegam à cidade que realmente se empenham, tanto que Bella começa a perguntar-se porque é que as pessoas não fazem sexo apenas a toda a hora!

2. Bella e a Maçã

Embora Bella possa estar no corpo de uma adulta, sua mente continua sendo a de uma criança. Por mais curiosa que seja, ela adora explorar tudo, e sua verdadeira jornada de exploração começa consigo mesma. A primeira vez que Bella se depara com o prazer próprio, ela é pega completamente de surpresa. Embora fazer isso na privacidade do quarto dela seja uma coisa, fazê-lo na mesa do café da manhã com uma maçã é algo totalmente diferente. Antes de Bella descobrir que a sociedade educada não aprovaria suas ações, ela continua com sua exploração e sente que tropeçou em algo que pode fazer qualquer um feliz, até mesmo a mal-humorada Sra. Prim.

1. Bella e o homem com seus filhos

Há muitas coisas distorcidas em ‘Pobres Criaturas’, e quase tudo no mundo louco de Bella Baxter é chocante e emocionante. Mas há momentos em que parece que o filme pode levar as coisas longe demais. A cena que se enquadra nessa categoria é aquela em que os serviços de Bella como trabalhadora do sexo são contratados por um homem que quer educar seus filhos. Enquanto o resto de seus clientes buscam o prazer que não necessariamente gostariam de compartilhar com outra pessoa, um pai que tem seus dois filhos observando-o enquanto ele faz sexo com Bella é bastante espantoso.

Pobres Criaturas está disponível no Star+.

Se você ainda não é assinante do Star+, pode assinar clicando aqui.

Leia também: Crítica | Pobres Criaturas – Banquete visual único em comédia sombria  


Aproveite para nos acompanhar nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram, Youtube e também no Google News

Quer receber notícias direto no seu celular? Entre para o nosso grupo no WhatsApp ou no canal do Telegram.

Última Notícia

Mais recentes

Publicidade

Você também pode gostar: