Code 8: Renegados – Parte II | O que aconteceu com Park? Por que Sung Kang não está no filme?

Publicidade

Code 8: Renegados – Parte II expande o universo introduzido por seu antecessor e investiga a vida de dois indivíduos superpoderosos que vivem em uma sociedade que os leva sistematicamente ao fracasso. Depois de se separar do problemático traficante de drogas Garrett e cumprir sua pena de prisão, Connor tenta se distanciar do lado errado da lei. 

No entanto, as coisas mudam quando a lei piora sob a liderança do Sargento Kingston, levando à morte do irmão de uma jovem poderosa. Como resultado, o caminho de Connor se cruza com o de Pavani, obrigando-o a procurar Garett mais uma vez para proteger o garoto e derrubar Kingston.

Na joint venture de Garett e Connor para desmantelar Kingston, os dois percebem que precisam de um aliado dentro da força policial e encontram um no oficial Davis, o antigo antagonista da dupla duvidosa. No entanto, a presença de Davis desperta curiosidade sobre seu parceiro, o policial bonzinho de Code 8, Officer Park, e sua intrigante ausência na narrativa.

Ausência inexplicável do oficial Park

Em Code 8, a primeira parte da emocionante série distópica de ficção científica, o oficial Park desempenhou um papel crucial como agente do Departamento de Polícia de Lincoln em Garett e na cola de sua equipe. A cidade foi invadida por uma rede clandestina de tráfico de drogas conhecida como Trust. O chefe de Garett, Marcus Sutcliffe, trabalhou como um líder de gangue crucial dentro da organização, com o primeiro trabalhando para ele. 

No entanto, as operações de Sutcliffe estavam desmoronando enquanto Park e seu parceiro, Davis, realizavam inúmeras apreensões contra eles. Conseqüentemente, uma vez que as circunstâncias desesperadoras de Connor o levaram a se juntar à equipe de Garett, ele apareceu rapidamente no radar de Park. Ainda assim, Park tratou Connor com simpatia, concedendo-lhe o benefício da dúvida e recusando-se a abusar de sua autoridade, como vários outros policiais costumavam fazer ao lidar com indivíduos poderosos. 

Acontece que Park tinha uma razão pessoal por trás de sua compreensão da população poderosa, ou seja, o status de sua própria filha como tal. Mesmo que Connor não soubesse da filha superpoderosa de Park, ele sabia que podia confiar no policial, ao contrário de seu parceiro, Davis, um perpétuo “policial mau”. 

Portanto, na sequência, Connor expressa sua surpresa quando Davis se aproxima dele após sua libertação na prisão, na tentativa de se unir contra o sistema. No entanto, apesar de notar a ausência de Park, Davis não consegue fornecer a Connor uma explicação detalhada sobre isso.

Como tal, a ausência de Park na narrativa permanece um detalhe não abordado e inexplorado. É possível que a vida pessoal de Park entrasse em conflito com sua profissão, já que os policiais eram conhecidos por maltratar indivíduos poderosos em Lincoln City. Portanto, Park pode simplesmente ter deixado a polícia ou se mudado para garantir um futuro mais seguro para seu filho. 

Inversamente, é possível que ele tenha seguido um caminho mais sombrio e entrado no sistema, coletando promoções para ganhar mais poder, como Connor adivinha. Em última análise, o destino de Park permanece ambíguo e depende da especulação do espectador.

Saída de Sung Kang de Code 8: Renegados – Parte II

Dada a saída de Park da franquia para a sequência do filme, os espectadores podem estar curiosos sobre uma explicação dos bastidores para a saída do ator Sung Kang. Mais conhecido por seu papel como Han na franquia Velozes e Furiosos – outra série da qual ele entrou e saiu – Kang continua sendo um rosto reconhecível no gênero de suspense de ação. Porém, recentemente, o homem também se interessou pelo aspecto de direção do cinema. Em 2022, Shaky Shivers, um filme de comédia de terror, marcou a estreia de Kang na direção.

Como os relatórios confirmam que Code 8: Renegados – Parte II começou a ser filmado em 2021, é possível que tenha havido simplesmente um problema de agendamento entre o filme anterior e Shaky Shivers de Kang. Assim, o mesmo pode ser um motivo potencial para a ausência do ator na sequência de Code 8. Da mesma forma, também é possível que as novas aspirações de direção do ator, promovidas por seu próximo projeto, uma adaptação de ‘Initial D’, tenham mudado a maneira como ele escolhe projetos de atuação.

No entanto, não houve qualquer declaração oficial de Kang ou dos criativos envolvidos no Code 8: Renegados – Parte II para confirmar ou negar o mesmo. Tal como está, a ausência de Kang no filme reflete a ausência de seu personagem na narrativa, permitindo espaço para especulações sem qualquer explicação oficial.

Code 8: Renegados – Parte II já está disponível na Netflix.

Leia também: Ela vai morrer? Entenda o final de Code 8: Renegados – Parte II


Aproveite para nos acompanhar nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram, Youtube e também no Google News

Quer receber notícias direto no seu celular? Entre para o nosso canal no WhatsApp ou no Telegram.

Última Notícia

Mais recentes

Publicidade

Você também pode gostar: