Quem é Gabriel? Entenda o final INESPERADO de Maligno

Se você é fã de filmes de terror certamente estava ansioso para a estreia de Maligno nos cinemas. A nova obra de James Wan (diretor de Invocação do Mal e Jogos Mortais) já está em exibição no Brasil e conta com um dos finais mais inesperados dos últimos anos. Aqui neste artigo vamos explicar tudinho sobre esse desfecho bizarro.

Mas antes: Leia a nossa crítica completa de Maligno

SPOILERS DE MALIGNO A SEGUIR!

A história de Maligno começa no Simion Research Hospital em Seattle, em 1999. Dra. Florence Weaver (Jacqueline McKenzie) e seus colegas, Dr. Victor Fields (Christian Clemenson) e Dr. Gregory (Amir AboulEla), tentam tratar um misterioso jovem paciente chamado Gabriel, que é inumanamente forte e pode controlar dispositivos elétricos com sua mente. Em uma noite particularmente violenta, Gabriel mata vários membros da equipe do hospital e fere outros. A Dra. Weaver esperava ser capaz de ajudar Gabriel, mas agora, ela percebe o quão catastroficamente errada ela estava. Ela ordena a seus subordinados que amarrem Gabriel em uma cama para que ela possa “eliminar o câncer”.

Atualmente, Madison está grávida. Durante sua conversa com seu marido abusivo, Derek (Jake Abel), é revelado que ela já estava grávida algumas vezes, mas todas terminaram em aborto espontâneo. Derek de repente a empurra com tanta força contra a parede que ela começa a sangrar na parte de trás da cabeça, e há um grande amassado na parede. Quando Derek sai da sala, Madison fecha a porta, trancando-o para fora do quarto.

Naquela noite, Derek acorda depois de ouvir alguns ruídos. Ele vê uma figura envolta em sombras assistindo TV no escuro. Mas quando ele acende a luz, não há ninguém lá. De repente, a figura aparece atrás dele e quebra seu pescoço. Sentindo que algo aconteceu, Madison desce do quarto. Quando ela vê o que aconteceu com Derek, ela tenta escapar. Mas a figura a agarra e a joga no chão.

Na próxima vez que ela recupera a consciência, ela está no hospital e Sydney está lá com ela. De sua irmã, Madison descobre que perdeu o filho. Enquanto isso, os detetives Kekoa Shaw (George Young) e Regina Moss (Michole Briana White) são designados para o caso. Eles inicialmente pensam que Derek e Madison são vítimas de uma invasão violenta. Mas quando eles aprendem sobre o comportamento abusivo de Derek, sua atenção se volta para Madison.

Quando Sydney vem para uma visita, Madison bloqueou quase todos os pontos de entrada de sua casa. Os irmãos falam sobre os abortos. É revelado que elas não são irmãs biológicas. Os pais de Sydney adotaram Madison quando ela tinha 8 anos. Sydney não sabia disso e cresceu acreditando que elas eram parentes de sangue. Madison não tem nenhuma lembrança de como era sua vida antes da adoção. Para ela, é quase como uma tela em branco.

A criatura sombria é na verdade Gabriel. Ele sequestra uma guia da cidade subterrânea de Seattle e a mantém presa em um sótão. Um por um, Gabriel mata o Dr. Weaver, o Dr. Fields e o Dr. Gregory. Durante cada um dos assassinatos, Madison tem uma visão de si mesma presente no local, testemunhando a morte violenta enquanto ela acontece. Ela e Sydney entram em contato com a polícia com essa informação. Inicialmente, tanto Kekoa quanto Regina estão céticos. As irmãs mais tarde visitam sua mãe, Jeanne (Susanna Thompson), que revela que Madison mencionou Gabriel várias vezes quando era mais jovem.

A partir dos arquivos da Dra. Weaver, a polícia deduziu que Madison era uma paciente do Simion Research Hospital com seu nome original, Emily May. Enquanto isso, Sydney vai até a instalação e traz de volta vários arquivos e fitas de vídeo que foram deixados lá. Enquanto ela e Jeanne assistem aos vídeos juntas, elas finalmente começam a entender o que realmente está acontecendo com Madison.

Mas quem é Gabriel e o que acontece com ele no final de Maligno?

Gabriel é o gêmeo parasita de Madison. A mãe deles, Serena, engravidou deles depois de ser estuprada aos 15 anos e decidiu levar a gravidez a diante. Após o nascimento de seus filhos, ela decidiu deixá-los na Simion Research. Um dos vídeos que Jeanne e Sydney assistem juntas mostra Serena chamando Gabriel de “uma abominação”. Mais tarde, em outro vídeo, uma Madison muito mais jovem chama Gabriel de “o Diabo”.

Como o Dr. Weaver afirma em um dos vídeos, os gêmeos parasitas resultam de dois embriões se desenvolvendo juntos no útero e não se separando. No final das contas, um gêmeo se torna dominante, enquanto o outro fica subdesenvolvido. Isso é diferente de gêmeos siameses, pois o gêmeo parasita depende do corpo do dominante. Como um parasita, Gabriel tira sustento do corpo de Madison.

Gabriel sempre foi psicótico. Depois de sua matança na instalação, o Dr. Weaver decidiu separá-lo de Emily / Madison. Isso é o que ela quis dizer quando mencionou cortar o câncer. Embora eles tenham removido cirurgicamente o corpo subdesenvolvido de Gabriel, eles não puderam limpar todos os vestígios dele da mente de Emily / Madison enquanto compartilhavam o cérebro. Depois de remover o máximo possível, eles fecharam seu crânio. Em seus primeiros dias com sua família adotiva, Madison se lembrava de Gabriel. Ele influenciou seu comportamento e às vezes até assumiu o controle de seu corpo. Uma vez, enquanto era controlada por Gabriel, Madison quase matou Jeanne enquanto ela estava grávida de Sydney.

Mas depois do nascimento de Sydney, as coisas começaram a mudar para Madison. A presença de sua irmã em sua vida a fez esquecer Gabriel. E ele teria permanecido esquecido se Derek não tivesse empurrado Madison contra a parede, o acordando. Durante esse período intermediário de sono, Gabriel sobreviveu ainda agindo como um parasita. Ele se alimentou dos fetos dentro do útero de Madison, matando-os e reconstruindo a si mesmo. Na cena culminante, Madison recupera o controle de sua mente e aprisiona Gabriel dentro de uma prisão mental. Ela sabe que a gaiola não vai segurar Gabriel para sempre e decide se preparar para se e quando ele sair.

O que causa as visões de Madison? Sydney e Serena estão mortas?

Cada vez que Gabriel sai para caçar, seu rosto distorcido sai da parte de trás do crânio de Madison. Ele assume o corpo de Madison, tornando-a uma prisioneira em sua própria mente. Então, o que Madison vê como visões é na verdade o que está acontecendo no mundo exterior. Gabriel sabe que Madison foi capaz de esquecê-lo por causa de Sydney. Assim, após seu retorno, ela se torna um de seus alvos.

Sua primeira vítima, o guia da cidade subterrânea de Seattle, acabou sendo Serena. Gabriel a mantém cativa no sótão da casa de Madison. Embora a cena climática mostre Gabriel matando Madison e Serena, essas mortes são parte de sua visão quando Madison assume o controle de sua própria mente. Serena e Sydney revelam-se vivas na cena final de Maligno. Kekoa provavelmente sobreviveu, já que sua lesão não foi fatal.

Madison e Gabriel têm poderes?

Sim, parece que Madison nasceu com habilidades especiais. E como Gabriel pode controlar sua mente, ele tem acesso total a eles. Ele é muito mais forte do que qualquer ser humano comum e pode manipular eletricidade e dispositivos elétricos. Inicialmente, ele não conseguia falar, mas depois começou a transmitir seus pensamentos por meio de um equipamento de áudio. É assim que ele pode se comunicar com os detetives na sala de interrogatório enquanto Madison está lá com eles. Quando Madison finalmente recupera o controle de seu corpo, ela é capaz de acessar seus poderes também.

E aí, gostou desse final maluco? Maligno já está em exibição nos cinemas.

Já conhece nosso canal do YouTube? Lá tem vídeo quase todo dia. Se inscreve! Dá uma olhada no nosso vídeo mais recente:

Aproveite para nos acompanhar nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram, Youtube e também no Google News.

Quer receber notícias direto no seu celular? Entre para o nosso canal no Telegram.

Últimas Notícias
Curiosidades La Casa de Papel Atores e atrizes de tv mais bem pagos Atores e atrizes de Hollywood mais bem pagos Curiosidades O Esquadrão Suicida Estreias de agosto da Disney+