Bomba! Planejado para ser um enorme sucesso, O Legado de Júpiter não terá uma segunda temporada na Netflix. A plataforma dispensou todos os atores do elenco de suas obrigações contratuais, embora não descarte retornar ao título com um outro formato.

A informação foi confirmada pelo próprio Mark Millar, criador da HQ que deu origem à série, em um comunicado divulgado em suas redes sociais: “Estou confiante que voltaremos a Legado de Júpiter em algum momento”.

Millar também revelou que a Netflix oficializou uma adaptação em live-action de Supercroocks, HQ focada nos vilões do chamado Millarworld. Por enquanto, não há nenhuma confirmação se, como nos quadrinhos, os personagens de Júpiter aparecerão na nova série.

“Depois de quase um século mantendo a humanidade segura, a primeira geração de super-heróis do mundo deve confiar nos seus filhos para continuar o legado. Mas as tensões aumentam à medida que os jovens super-heróis, famintos por provar seu valor, lutam para viver de acordo com a lendária reputação pública de seus pais – e exigentes padrões pessoais.”

O elenco é formado por Josh Duhamel, Leslie Bibb, Ben Daniels, Elena Kampouris, Andrew Horton, Mike Wade e Matt Lanter.

Mark Millar, Frank Quitely, Lorenzo Di Bonaventura, Dan McDermott, Steven S. DeKnight, James Middleton e Sang Kyu Kim foram os produtores.

Entenda o final da 1ª temporada, clicando aqui.

Estreias de agosto da Disney+ Melhores Filmes da Netflix em 2021 Melhores séries Rua do Medo: 1666 – PARTE 3 – Final #Crítica Atypical