Os serviços de streaming forneceram aos telespectadores uma ampla gama de conteúdo este ano, especialmente porque a pandemia de COVID-19 em andamento fez com que mais pessoas passassem mais tempo em casa. A programação original da Netflix definitivamente desempenhou um papel fundamental nisso, com filmes e programas de televisão badalados nos últimos meses. De acordo com números recém-lançados do serviço de streaming, agora sabemos o quão popular um título – o documentário criminal Cenas de um Homicídio: Uma Família Vizinha – tem sido. A Netflix anunciou que este é o documentário mais assistido até o momento, com projeções indicando que será assistido por 52 milhões de assinantes nos primeiros 28 dias. A Netflix também revelou que O Dilema das Redes, outro documentário recém-lançado do serviço, foi assistido por 38 milhões de famílias no mesmo período.

Leia também: 6 séries na Netflix para quem ama mistérios de roer as unhas

Esses podem não ser exatamente os números de A Máfia dos Tigres, já que a série de documentários atingiu 64 milhões de lares no primeiro mês de seu lançamento. Ainda assim, esses números mostram o quão proeminentes os dois documentários foram – e quão impressionante foi o tempo de Uma Família Vizinha no serviço de streaming.

Dirigido por Jenny Popplewell, Cenas de um Homicídio enfoca os desaparecimentos de 2018 e os assassinatos posteriores de Shanann Watts e suas duas filhas, que ocorreram em Frederick, Colorado. O filme utiliza várias evidências – incluindo postagens em mídias sociais, gravações de câmeras corporais, vídeos caseiros, notícias e mensagens de texto – para dar vida ao documentário assustador.

Esses números vêm enquanto a Netflix vem experimentando um crescimento surpreendente em meio à pandemia de COVID-19, com 2,2 milhões de novos assinantes ingressando no serviço apenas no último trimestre. Ele também revelou que alguns de seus filmes originais , incluindo The Old Guard, Power e A Barraca do Beijo 2, obtiveram números de audiência impressionantes no último trimestre.

Vivemos em tempos incertos com restrições sobre o que podemos fazer socialmente e muitas pessoas estão recorrendo ao entretenimento para relaxamento, conexão, conforto e estímulo”, disse a Netflix em sua carta trimestral aos acionistas no início deste ano.

“Esperamos menos crescimento no segundo semestre de 2020 em comparação com o ano anterior”, continua a carta da Netflix. “À medida que navegamos nessas circunstâncias turbulentas, estamos focados em nossos membros, continuando a melhorar a qualidade de nosso serviço e trazendo novos filmes e programas para as telas das pessoas.”

Fonte: ComicBook

Share This