Depois de anos como lenhador, Dexter está voltando para o canal Showtime.

O canal de TV a cabo encomendou uma minissérie de 10 episódios de Dexter que reunirá a estrela Michael C. Hall e o showrunner original Clyde Phillips. O show será uma continuação da série original de oito temporadas, que terminou em 2013 com Dexter Morgan, de Hall, indo para o exílio auto-imposto como lenhador e vivendo uma vida solitária.

A produção está programada para começar no início do próximo ano, com a estréia planejada para o outono de 2021.

“Dexter é uma série especial, tanto para seus milhões de fãs quanto para a Showtime, já que esse show inovador ajudou a colocar nossa rede no mapa há muitos anos”, disse o presidente da Showtime Entertainment, Gary Levine. “Só revisitaríamos esse personagem único se pudéssemos encontrar uma abordagem criativa que fosse verdadeiramente digna da série original e brilhante. Bem, estou feliz em informar que Clyde Phillips e Michael C. Hall o encontraram, e não podemos esperar para gravar ele e mostrá-lo ao mundo.”

A conclusão bastante aberta da série levou a especulações generalizadas sobre um spinoff, com o então chefe da Showtime David Nevins dizendo em 2014 que a rede havia discutido isso, mas só avançaria se “[parecesse] como um novo show” e Hall estava envolvido.

Phillips atuou como showrunner nas primeiras quatro temporadas de Dexter, saindo em 2009. Durante sua gestão, o show ganhou três indicações ao Emmy de melhor série dramática e quatro indicações ao Writers Guild Award na mesma categoria. Ele assinou um contrato geral com a Showtime e a CBS Television Studios no início deste ano, levando a mais especulações sobre um potencial revival de Dexter.

Pouco depois do final da série amplamente ridicularizado, Phillips disse ao E! Online que sua visão para o final da série teria envolvido Dexter prestes a ser executado por seus crimes, e “na galeria estão todas as pessoas que Dexter matou” – o que obviamente teria cortado caminhos para um revival estrelado por Hall.

Hall, por sua vez, recebeu cinco indicações consecutivas do Emmy por interpretar Dexter e ganhou o Globo de Ouro e o SAG Awards pelo papel em 2010. Seus créditos recentes incluem Safe da Netflix e o longa The Report.

Phillips e Hall serão os produtores executivos da série limitada de Dexter com John Goldwyn, Sara Colleton, Bill Carraro e Scott Reynolds.

No Brasil, a série está disponível no Amazon Prime Video e no Globoplay.

Fonte: THR

Share This