Agora, a Netflix permite que os espectadores assistam seu conteúdo favorito mais rápido ou mais devagar, dependendo de suas preferências. Nos últimos anos, surgiram pessoas ouvindo podcasts em várias velocidades para acomodar a vida moderna e a natureza agitada que brota todos os dias. Um relatório do The Verge indica que a plataforma de streaming também está preparada para oferecer isto no conteúdo visual, como o Youtube já oferece. A escolha apresenta alguns desafios únicos, já que muitos usuários provavelmente não se interessariam muito em assistir seus programas favoritos, dublados por Alvin e os Esquilos.

“Também estamos atentos às preocupações de alguns criadores”, disse o porta-voz da Netflix ao The Verge. “É por isso que limitamos a faixa de velocidades de reprodução e exigimos que os membros variem a velocidade cada vez que assistem a algo novo – em vez de fixar suas configurações com base na última velocidade que usaram”.

A gigante do streaming está permitindo velocidades de 0,5, 0,75, 1,25 e 1,5 em dispositivos móveis Android. Em 2019, a Netflix anunciou o teste do recurso e alguns membros da comunidade criativa imediatamente lamentaram como isso alteraria fundamentalmente o trabalho deles. O vice-presidente de inovação de produtos da Netflix abordou essas preocupações diretamente dizendo que essa era uma solicitação do usuário. Esse é o verdadeiro fator determinante por trás dessa decisão.

“O recurso tem sido muito solicitado pelos membros há anos”, explicou Robison. “O mais importante de tudo é que nossos testes mostram que os consumidores valorizam a flexibilidade que oferecem, seja assistindo a cena favorita ou diminuindo a velocidade porque estão assistindo com legendas ou com dificuldades auditivas”.

Fonte: Comicbook

Share This