Paciência tem limites! Pelo menos para o instrutor de Ioga Nicholas Glasglow, de 34 anos. Segundo informações do site Smoking Gun, Nicholas foi preso no último domingo (12/1) por ter espancado um homem em um cinema do condado de Johnson (Iowa, EUA). A vítima estava usando o celular durante sessão de “Era uma vez em Hollywood”, mais recente filme de Quentin Tarantino, estrelado por Brad Pitt e Leonardo DiCaprio.

Segundo o boletim de ocorrência, Nicholas inicialmente procurou funcionários para que tomassem uma “providência ou ele mesmo resolveria”. Devido a demora, Nicholas decidiu resolver ele mesmo a situação e começou a desferir socos e pontapés na vítima.

A vítima sofreu várias escoriações – incluindo um corte na cabeça – e foi levada a um hospital próximo.

Spread the love

Leave a comment

Share This