Com formato ímpar, que conquistou plateia cativa, o Festival MIMO de Cinema chega em 2019 para conquistar ainda mais. Dirigido pela cineasta Rejane Zilles, desde a sua primeira edição em 2004, já exibiu 346 filmes onde a música é tema central. O Festival MIMO de Cinema tem entrada gratuita e acontecerá, pela primeira vez, em São Paulo (22 a 24 de novembro) – no Centro Cultural São Paulo e pela 4ª vez no Rio de Janeiro (29 de novembro a 01 de dezembro) – no Cine Odeon. Idealizado por Lú Araújo, que assina a Direção Artística, o MIMO Festival alcança este ano sua 50º edição.

Foram selecionadas 26 produções inéditas no circuito comercial, nos formatos de curta, média e longa-metragem. Serão exibidos longas como “O astronauta Tupi”, filme de Pedro Bronz que percorre a carreira do artista Pedro Luis, “O avião tá de parabéns”, onde Egberto Gismonti e João do Pife se encontram para um papo e cantam juntos, “Sambalanço – a bossa que dança”, com registros inéditos durante 15 anos de boates em Copacabana e bailes no subúrbio nos anos 60 , e “A história de um Silva”, que conta a história do MC Bob Rum. Destaque ainda para os premiados “O Barato de Iacanga”, sobre o lendário Festival de Águas Clara e “Dorival Caymmi – um homem de afetos” uma viagem pelo universo do cantor e compositor. O festival recebe ainda o média-metragem “Ilú Obá De Min – Akotirenes Yibi Das Mulheres Quilombolas”, sobre a luta das mulheres quilombolas, e o curtas “Na rota do vento – A música no cinema de Sérgio Ricardo”, sobre o cineasta e musico Sergio Ricardo e seu processo criativo, “Viva Alfredinho!”, com a trajetória do histórico bar Bip-Bip e “Ele era assim: Ary Barroso”, que conta a história de um dos maiores compositores brasileiros por meio de arquivos de áudio narrados pelo próprio artista.

Importante plataforma de exibição e lançamento da produção audiovisual brasileira, o Festival MIMO de Cinema promove uma sinergia única entre música e cinema, com a projeção de filmes que acontecem simultaneamente aos shows e concertos do evento. A programação completa dos filmes, além de informações sobre a distribuição de senhas, podem ser encontradas no site www.mimofestival.com.

FESTIVAL MIMO DE CINEMA 2019 – FILMES SELECIONADOS

LONGA-METRAGENS
  • “O astronauta Tupi”

Direção: Pedro Bronz

  • “O avião tá de parabéns”

Direção: Geraldinho Magalhães e Nilton Pereira

  • “Sambalanço – a bossa que dança”

Direção: Fabiano Maciel

  • “Antes que me esqueçam meu nome é Edy Star”

Direção: Fernando Moraes Souza

  • “Dorival Caymmi – um homem de afetos”

Direção: Daniela Broitman

  • “O barato de Iacanga”

Direção: Thiago Mattar

  • “A história de um Silva”

Direção: Marcelo Gularte

  • “Eletronica:mentes”

Direção: Dácio Pinheiro, Denis Giacobelis e Paulo Beto

  • “Guitar Days – An unlikely story of brazilian music”

Direção: Caio Augusto Braga

  • “Memórias do Grupo Opinião”

Direção: Paulo Thiago

  • “Segue o baile”

Direção: Rubens Crispim Jr.

  • “Rumo”

Direção: Flavio Frederico e Mariana Pamplona

  • “Tudo pela música – 20 anos da Deck”

Direção: Daniel Ferro

  • “Você não sabe quem eu sou”

Direção: Alexandre Petillo, Rodrigo Grilo e Rogério Corrêa

MÉDIA-METRAGENS
  • “Ilú Obá De Min – Akotirenes Yibi Das Mulheres Quilombolas”

Direção: Beto Brant

  • “Rádio S.Amb.A.Doc – Uma Viagem Ao Centro Do Mangue”

Direção: André Almeida

CURTA-METRAGENS
  • “Na rota do vento – A música no cinema de Sérgio Ricardo”

Direção: Marina Lutfi, Cavi Borges e Victor Magrath

  • “Viva Alfredinho!”

Direção: Roberto Berliner

  • “Ele era assim: Ary Barroso”

Direção: Angela Zoé

  • “A Sússia”

Direção: Lucrécia Dias

  • “Baião Destemperado”

Direção: Pedro Vilo

  • “Dôniara”

Direção: Kaco Olímpio

  • “Nadir”

Direção: Fábio Rogério

  • “Era uma vez uma garota”

Direção: Izabella Franceschi

  • “Poesia Azeviche”

Direção: Ailton Pinheiro

  • “Procuram-se Mulheres”

Direção: Rozzi Brasil

Spread the love

Comments

comments

Share This