Produtor de ‘Resgate’, da Netflix, é preso por agressão sexual

Mais um escândalo em Hollywood envolvendo um produtor famoso. Dessa vez, o acusado é David Guillod, produtor de filmes importantes como Atômica e ‘Resgate’, da Netflix.

Leia a nossa crítica de Resgate!

Segundo o Comic Book, Guillod foi preso sob a acusação de agressão sexual no começo desse ano e, logo após isso, foi solto sob fiança. Agora, uma nova alegação foi realizada contra ele e está sendo processado pelo Ministério Público do Condado de Santa Bárbara, de acordo com um relatório do Deadline, que também observa que detetives do Departamento de Polícia de Los Angeles conduziu um mandado de busca e prisão na residência do produtor.

Em 21 de outubro, uma vítima feminina denunciou ao LAPD uma agressão sexual cometida por Guillod durante uma reunião noturna. Os detetives anunciaram, após a prisão de Guillod, que estão interessados ​​em falar com quaisquer vítimas adicionais que ainda não tenham se apresentado. Guillod está atualmente detido no Centro de Detenção Metropolitana da Polícia de Los Angeles sob fiança de US$ 5 milhões.

Lançado em abril de 2020, ‘Resgate’ é a estreia na direção de Sam Hargrave e estrelado por Chris Hemsworth. O filme, escrito por Joe Russo, é baseado na história em quadrinhos e foi um grande sucesso para o serviço de streaming. A sequência já foi anunciada e não se sabe como a prisão de David Guillod irá afetar os planos da Netflix.

Últimas Notícias