Durante a divulgação da aguardada série ‘The Witcher’, baseada na saga de livros de mesmo nome de Andrzej Sapkowski. O astro protagonista Henry Cavill e a showrunner Lauren Schmidt Hissrich, conversaram com os jornalistas em uma coletiva surpresa, organizada pela Netflix na CCXP. O bate papo de 40 minutos trouxe à tona algumas curiosidades sobre a produção e as expectativas para a já confirmada 2ª temporada.

O Pipocas estava lá e conta para vocês, em primeira mão, o que de mais interessante rolou na entrevista. Confira:

Para começar, Cavill contou como conheceu e se envolveu no projeto que, segundo ele, “o abraçou por completo”:

Eu conheci os jogos desde o começo, antes mesmo de me envolver com a série, porém, descobri que, na verdade, eram baseados em livros e eu não fazia ideia…” – ele ri. “Após, claro, ler todos os livros, absolutamente amei. Mergulhar no mundo de Geralt foi incrível.

Ao ser perguntado sobre o que faz ‘The Witcher’ ser diferente de outras séries de fantasia, como ‘Game of Thrones’, o astro respondeu que certamente é a jornada de Geralt:

Por dentro, Geralt é bom, mas por fora, precisa ser algo oposto a isso. Ele não é um anti-herói convencional, que faz coisas ruins e se diverte. Geralt nunca se sente bem fazendo coisas ruins e para mim, é o que torna o personagem completamente interessante e diferente de outras produções. Ele é essencialmente bom e é o herói de sua própria história, mas nem sempre toma decisões possam o transformar em o “mocinho”.

Já a showrunner contou:

Para mim, o que torna a série tão interessante é que não se trata apenas de disputa entre famílias e batalhas épicas, mas também lida com as pessoas menos importantes no mundo. Ela olha para pessoas reais e como elas lidam com situações difíceis… isso é humano e tentamos explorar o máximo possível dessas relações.

A primeira temporada de ‘The Witcher’ estreia na Netflix em 20 de Dezembro de 2019.

Share This