Em 2000, os X-Men desembarcaram nos cinemas e ajudaram a lançar uma série de filmes de sucesso inspirados em personagens da Marvel, com personagens da DC Comics anteriormente dominando o cenário cinematográfico. Nos anos seguintes, a série viu seis filmes e vários spinoffs, provando que a franquia é capaz de competir com a popularidade do Universo Cinematográfico da Marvel Studios. Com a Disney tendo comprado a 21st Century Fox, incluindo os X-Men, os fãs imaginaram o que o futuro poderia ter reservado para os personagens após o lançamento de X-Men: Fênix Negra. Enquanto falava na CinemaCon, um executivo da Fox insinuou que o novo filme concluiria a franquia como a conhecemos.

“É a despedida perfeita para nossa épica série X-men”, Emma Watts compartilhou com o público depois de mostrar imagens do filme.

Desde que surgiram rumores sobre a compra da Fox pela Disney, os fãs se perguntaram o que isso significaria para a série. Várias fontes da Disney e da Marvel Studios expressaram seu entusiasmo com os X-Men sendo absorvidos pelo MCU, com os detalhes de como isso poderia acontecer ser nada mais que conjectura. Os comentários de Watts aparentemente confirmam que a série X-Men apropriada será concluída em sua forma atual, provavelmente levando a novos atores sendo escalados para preencher papéis quando o MCU incorporar oficialmente os X-Men .

Enquanto alguns fãs certamente ficarão desapontados com esta notícia, o diretor de Fênix Negra, Simon Kinberg, afirmou anteriormente que o filme sempre foi imaginado como o fim da franquia, muito antes das notícias sobre a compra da Disney.

“Desde o início de conceber o que faríamos com este filme e escrevê-lo, o que foi há mais de três anos, muito antes de haver uma fusão da Disney, senti que este era o ponto culminante natural para este ciclo de X-Men”, explicou Kinberg ao ComicBook.com durante uma entrevista na WonderCon.

“Isso parecia o ponto culminante de uma história ou um ciclo desses filmes. E para mim e para a maioria dos fãs … Fênix Negra é o enredo final e mais icônico no universo dos X-Men. E assim eu não sabia como iríamos superar o Fênix Negra dentro desse ciclo.”, adicionou Kimberg.

Em X-Men: Fênix Negra, os X-Men enfrentam seu inimigo mais formidável e poderoso: um deles, Jean Grey. Durante uma missão de resgate no espaço, Jean é quase morta quando é atingida por uma misteriosa força cósmica. Quando ela volta para casa, essa força não só a torna infinitamente mais poderosa, mas muito mais instável. Lutando com essa entidade dentro dela, Jean desencadeia seus poderes de maneiras que ela não pode compreender nem conter. Com Jean fora de controle, e ferindo aqueles que ela mais ama, ela começa a desvendar a linha que mantém os X-Men juntos. Agora, com esta família desmoronando, eles devem encontrar uma maneira de se unir, não apenas para salvar a alma de Jean, mas para salvar nosso próprio planeta de alienígenas que desejam se armar com essa força e governar a galáxia.

“X-Men: Fênix Negra” estreia nos cinemas em 06 junho de 2019.

Fonte: ComicBook

Comments