Autor de ‘Percy Jackson’ revela que avisou os produtores que o roteiro era ‘péssimo’

[et_pb_section bb_built=”1″][et_pb_row][et_pb_column type=”4_4″][et_pb_text]

Existe uma eterna briga quando um livro é adaptado para os cinemas ou séries, pois os leitores em sua maioria ficam frustrados por não retratarem com exatidão o que foi lido.

Percy Jackson é uma dessas sagas que os fãs sempre sonham em ver uma nova adaptação digna como forma de redimir os dois filmes trágicos da Fox.

Mas, ao que tudo indica, a tragédia já tinha sido anunciada antes das gravações do primeiro filme. O escritor dos livros, Rick Riordan, revelou que expôs a Fox que o roteiro do filme não condizia com a saga que ele tinha criado.

Confira o relato:

“Primeiro, isso matou toda a possibilidade de uma franquia. A série é fixada na premissa que Percy cresça entre as idades de doze até dezesseis anos, de acordo com uma profecia de que ele fará uma decisão que pode tanto salvar quando destruir o mundo. Eu acreditava que a Fox queria deixar a possibilidade de sequências aberta. Começando a franquia justo com Percy já com 17 anos, isso se torna impossível.

Os leitores da saga tem de 9 a 12 anos de idade. Há milhões de crianças nessa faixa etária, além de suas famílias que estão ansiosas para ver esse filme, pois querem ver as imagens criadas em suas imaginações se tornando realidade. Eles já imaginaram Percy com doze anos. Deixá-lo com 17 resultará na perda desse público assim que virem o trailer.”

“Não quero apenas dizer que desvia do livro, pois certamente está quase irreconhecível apenas contando a mesma história. Fãs do livro ficarão bravos e desapontados. Vão sair dos cinemas e começar um boca a boca nada favorável. O maior problema é que você fingem que o livro não existe. O roteiro não funciona como uma história original. Não há nada original nos diálogos ao colocar palavras como ‘vadia, bunda e merda’. Esse linguajar já foi usado em excesso a tal ponto que não angaria uma simples risada.

Estou conversando com crianças bastante jovens a todo tempo sobre o filme. Estaria horrorizado em vê-los irem ao cinema para ver esse tipo de conteúdo. Eu não veria. Não deixaria meus filhos verem isso. Não recomendaria para ninguém ver e certamente não queria estar associado a isso. Não sexualizem minha história infantil.”

Percy Jackson e o Mar de Monstros e Percy Jackson e o Ladrão de Raios arrecadaram mais de US$ 150 milhões de dólares nas bilheterias.

[/et_pb_text][/et_pb_column][/et_pb_row][/et_pb_section]

Spread the love
Share This