loader image

A Vida Em Si | Longa do mesmo criador de ‘This is Us’ ganha trailer e pôsteres nacionais

[et_pb_section bb_built=”1″][et_pb_row][et_pb_column type=”4_4″][et_pb_text]

Dan Fogelman, criador de “This Is Us”, uma das séries mais populares dos últimos anos, agora transfere seu talento para o Cinema e assina o roteiro e a direção de “A Vida Em Si” (Life Itself), lançamento da Paris Filmes, que chega aos cinemas brasileiros dia 13 de dezembro e promete derreter até o mais frio dos corações. Para entender o motivo, assista ao primeiro trailer com legendas:

Felizmente, o trailer nos faz lembrar que, tanto quanto os relacionamentos são românticos e apaixonados, eles não vêm sem luta. “A vida em si nos prega peças. Ela nos induz a erros. Pinta um homem como herói, quando pode muito bem ser um vilão”, relata Olivia Wilde, par romântico de Oscar Isaac na trama.

Além do vídeo embalado pela música “Little Giant”, do cantor e compositor inglês Roo Panes, pôsteres individuais com os principais personagens acabam de ser lançados.

Confira:

 

[/et_pb_text][et_pb_gallery _builder_version=”3.0.89″ show_title_and_caption=”on” show_pagination=”on” gallery_ids=”25340,25341,25342,25343″ fullwidth=”on” orientation=”landscape” zoom_icon_color=”#00a8ff” hover_overlay_color=”rgba(255,255,255,0.9)” background_layout=”dark” pagination_font_size_tablet=”51″ pagination_line_height_tablet=”2″ /][et_pb_text _builder_version=”3.0.89″ background_layout=”light”]

À medida que Abby (Olivia Wilde) e Will (Oscar Isaac) vão do romance universitário ao casamento e ao nascimento do primeiro filho, reviravoltas inesperadas criam reverberações que ecoam por diferentes continentes e vidas. O filme apresenta uma história multigeracional marcada por uma tragédia familiar, mas rodeada de calor e esperança.

O elenco ainda reúne Mandy Patinkin, Antonio Banderas, Samuel L. Jackson, Olivia Cooke, Laia Costa e Annette Bening, e, embora seja difícil dizer como a história de cada personagem se relacionará, a emoção permeará toda narrativa. “Este filme aborda grandes perdas, grandes tragédias, grandes amores, grandes momentos. É como um romance maior do que a vida, que você segue geração após geração”, afirma Dan Fogelman.

[/et_pb_text][/et_pb_column][/et_pb_row][/et_pb_section]

Comments

comments

Share This