“Você sabe que as diferenças de remuneração de gênero são um problema quando mesmo a Rainha não é paga de forma justa“, dizem os organizadores de uma petição pública ao ator Matt Smith para que ele doe a diferença entre o salário dele e Claire Foy de “The Crown” para o Fundo de Defesa Legal da Time’s Up.

A notícia de que Smith, que interpretou o príncipe Philip em “The Crown”, foi pago mais do que Foy, que interpretou a rainha Elizabeth II, repercutiu no mundo todo na semana passada, no momento em que o salário desigual para homens e mulheres já estava no centro das atenções . A petição Care2 para corrigir esse desequilíbrio procura 25 mil assinaturas e teve 22 mil na segunda-feira de manhã na Grã-Bretanha. Care2 é uma rede social para ativistas e campanhas para direitos dos animais, direitos das mulheres, direitos civis e questões ambientais e políticas.

 

Nem Foy nem Smith comentaram a situação. Left Bank e Netflix também não emitiram nota publicamente.

 

As mulheres em todas as indústrias estão enfrentando uma luta pela igualdade salarial“, afirmou a organizadora da petição, Rebecca G. “As mulheres nos EUA geralmente ganham 80 centavos por cada dólar pago aos seus homólogos masculinos para o trabalho em tempo integral. E a diferença salarial para as mulheres de cor é ainda mais marcante. As mulheres negras tipicamente só fazem 63 centavos por cada dólar pago às suas homólogos masculinos brancos e as mulheres latinas fazem apenas 54 centavos em média”.

Rebecca G acrescentou: “Embora possa ser fácil para alguns descartar a disparidade de remuneração de gênero por atores já pagos como Claire Foy , acredito que abordar publicamente casos de sexismo de alto nível também ajudará a criar maiores oportunidades para todas as mulheres – em todos carreiras “.

Uma petição Care2 recentemente convocou Mark Wahlberg para doar alguns de seus ganhos para a Time’s Up depois que ele foi pago muito mais do que a co-protagonista Michelle Williams para regravar cenas de “Todo o Dinheiro do Mundo”. O ator finalmente doou o total de US$ 1,5 milhão de re-filmagem para Time’s Up, no nome de Williams.

Fonte: Variety

Comments