The Walking Dead | Mãe de dublê que morreu processa a AMC

[et_pb_section bb_built=”1″][et_pb_row][et_pb_column type=”4_4″][et_pb_text _builder_version=”3.0.89″ background_layout=”light”]

Seis meses após o dublê John Bernecker ter falecido no set de The Walking Dead sua mãe seguiu com a sua promessa de “buscar a justiça” com um processo de morte injusta que coloca a culpa na AMC.

“A produção da oitava temporada de The Walking Dead, assim como as anteriores, teve uma ênfase em manter os orçamentos de produção baixos e os lucros altos” A declaração afirma, repetidamente.

As numerosas falhas dos arguidos do Stewart Film para tomar precauções de segurança razoáveis ​​foram o resultado direto das políticas, pressões e decisões dos defensores da AMC para produzir The Walking Dead por um custo mínimo e lucro máximo”, diz o advogado de Susan Bernecker.

A defesa ainda alega que as gravações não estava sendo realizada “de forma segura de acordo com os padrões da indústria.”

[/et_pb_text][et_pb_code _builder_version=”3.0.89″ text_orientation=”center”]<script language=”JavaScript1.1″ src=”https://t.dynad.net/script/?dc=5550002447;ord=1515273630969;idt_product=1;coddisplaysupplier=334bad9aa748436dbab1e931374f4030;descrColor=000000;titleColor=000000;urlColor=A6A6A6;borderColor=FFFFFF;bgColor=FFFFFF;altColor=FFFFFF;deslabel=native;click=”></script>[/et_pb_code][et_pb_text _builder_version=”3.0.89″ background_layout=”light”]

O dublê John Bernecker, morreu em julho de 2017 vítima de um acidente sofrido durante as filmagens da oitava temporada da série. Segundo o site The Hollywood Reporter, o dublê machucou a cabeça ao cair de uma altura de 6 metros (20 pés) sobre um chão de concreto. Ele foi levado imediatamente ao hospital, mas não sobreviveu.

[/et_pb_text][/et_pb_column][/et_pb_row][/et_pb_section]

Spread the love
Share This