E aí meu povo. Hoje a gente veio trazer uma lista marota e maravilhosa de comédias nacionais que vocês não podem deixar de assistir. A gente sabe que o cinema nacional é babado quando a gente fala de comédia né. Então, se liguem aí 🙂

A minha primeira indicação é “O Auto da Compadecida”. O filme conta as aventuras de dois nordestinos, João Grilo, um sertanejo pobre e mentiroso, e Chicó, o mais covarde dos homens. Ambos lutam pelo pão de cada dia e atravessam por várias situações enganando todo mundo do pequeno vilarejo de Taperoá, no sertão da Paraíba. A salvação da dupla acontece com a aparição da Nossa Senhora. O filme é uma adaptação da obra de Ariano Suassuna.

Minha segunda dica é a franquia “Se eu Fosse Você”. Interpretados por Tony Ramos e Gloria Pires, Cláudio é um publicitário bem sucedido, dono de sua própria agência, que é casado com Helena, uma professora de música que cuida de um coral infantil. Acostumados com a rotina do dia-a-dia e do casamento de tantos anos, eles volta e meia têm uma discussão. Um dia eles têm uma briga maior do que o normal, que faz com que algo inexplicável aconteça: eles trocam de corpos. Apavorados, Cláudio e Helena tentam aparentar normalidade até que consigam reverter a situação. Porém para tanto eles terão que assumir por completo a vida do outro.

A terceira dica é a franquia “De pernas pro ar”, que vai contar a história de Alice, uma executiva que já passou dos 30 é casada e tem um filho. Na verdade, ela é uma típica workaholic, que tenta se equilibrar entre a rotina de trabalho e a família, mas perde o emprego e o marido no mesmo dia. É quando ela passa a contar com a ajuda da vizinha Marcela, que mostra que é possível ser uma profissional de sucesso sem deixar os prazeres da vida de lado. Para isso, Alice vira sócia da nova amiga em um sexshop falido e descobre os prazeres dos brinquedos sexuais.

Uma outra franquia que merecia estar nesta lista é “Muita Calma Nessa hora”. Tita, Mari e Aninha são amigas que enfrentam momentos de decisão em suas vidas. Decididas a relaxar, elas partem para curtir um fim de semana em Búzios. No caminho encontram com Estrella, uma hippie a quem dão carona e que está atrás de seu pai desaparecido. Juntas, elas passam por momentos de grande diversão.

E a minha quinta e ultima indicação é a comédia “Minha Vida em Marte”. Fernanda tá casada com Tom, com quem tem uma filha de cinco anos. O casal tá em meio ao desgaste causado pelo convívio por muitos anos, o que gera atritos constantes. Quem a ajuda a superar a crise é seu sócio Aníbal parceiro inseparável durante a árdua jornada entre salvar o casamento ou pôr fim a ele.

Comments