Um episódio de “Brooklyn Nine-Nine” que foi ao ar no Brasil incluiu um diálogo “mal traduzido” em que um personagem implica apoio ao presidente do Brasil, Jair Bolsonaro.

A TNT Brasil – que exibe a sitcom da NBC aqui no Brasil – transmitiu uma versão do episódio 5×04 com Charles Boyle (interpretado por Joe Lo Truglio) fazendo referências positivas a Bolsonaro na dublagem.

O co-criador e showrunner de Brooklyn Nine-Nine, Dan Goor, tomou conhecimento da situação no Twitter no fim de semana, o diálogo do episódio está sendo corrigido pela dubladora responsável pelo erro de tradução e será refletido em todas as futuras exibições na TNT Brasil.

Atualmente não está claro exatamente como o roteiro foi traduzido erroneamente pela empresa de dublagem para incluir as referências a Bolsonaro, que não é mencionado na versão legendada.

Representantes da Universal Television e da TNT Brasil não responderam imediatamente ao pedido de comentários.

No sábado, uma conta de fãs de Brooklyn Nine Nine chamada Brooklyn 99 Updates compartilhou um vídeo no Twitter pela afiliada Brooklyn 99 Brasil, que incluiu partes do episódio em questão.

“Estamos muito gratos a TNTBr está transmitindo o B99 para os fãs brasileiros, mas é tão errado que as traduções estão implicando que Boyle é um apoiador de Bolsonaro (ele é o presidente do Brasil – uma versão mais extrema de Trump), porque isso é totalmente contra B99 e Boyle. stand for,”. leia o tweet do Brooklyn 99 Updates.

A TNT respondeu o tweet da seguinte forma:

Comments