“UM AMOR INESPERADO”, de Juan Vera, estreia em 14 de março, com distribuição da Alpha Filmes em parceria com a Pandora. O longa traz Ricardo Darín e Mercedes Morán como Marcos e Ana, um casal que, após 25 anos lado a lado, começa a questionar o matrimônio. Com a saída de seu único filho de casa, eles precisam lidar com uma série de situações que vêm à tona quando estão a sós e passam a se perguntar se ainda estão apaixonados ou se apenas acostumaram-se a continuar juntos. (Leia a nossa crítica)

Diante dessa crise existencial, decidem se separar em comum acordo. A vida de solteiros, no início intensa e fascinante, logo traz mais dúvidas. Marcos e Ana passam a questionar o amor, a fidelidade, a natureza dos desejos e tomarão uma decisão que mudará suas vidas para sempre.

Segundo o diretor, “UM AMOR INESPERADO” é um longa sobre personagens. “Os protagonistas, como cabeças pensantes, dizem a verdade, não se esquivam e não temem o conflito. Ambos estão familiarizados com o conceito de finitude e a ideia de angústia existencial”, comenta. “Uma série de personagens secundários os acompanham abordando distintas ideias a respeito do amor, da sexualidade, da vida a dois, do desejo e também da sexualidade. Todos como opções válidas”, completa.

O filme aborda questões sérias envolvendo o amor, o amadurecimento e as relações interpessoais, mas a abordagem do diretor Juan Vera tem o objetivo de ser leve: “pretendo contar com uma distância lúdica, permitindo ao espectador que reflita, se inquiete, mas sem urgência ou gravidade”, explica.

“UM AMOR INESPERADO” foi exibido no último Festival Internacional de Cinema do Rio, quando o diretor Juan Vera esteve no Brasil para apresentar o longa.

Comments