Quando o Universo Cinematográfico da Marvel foi originalmente lançado, era algo inédito no mundo do entretenimento – pelo menos na escala que a Disney havia planejado. Teoricamente, as estrelas que os fãs viram nas telonas apareceriam nas pequenas propriedades da Marvel Television .

Até o momento, a Marvel Studios lançou 20 filmes surpreendentes – todos ambientados no mesmo universo – com três adicionais em pós-produção a serem lançados no próximo ano. A Marvel Television, por outro lado – uma entidade completamente separada – lançou 21 temporadas de vários programas de televisão.

Quando tudo estiver dito e feito, a Disney lançou um conjunto de mais de 40 propriedades separadas no mesmo universo. E, embora tanto a Marvel Studios quanto a Marvel Television sejam de propriedade da casa do Mickey, elas ainda são entidades tecnicamente diferentes.

Então, como duas empresas trabalham juntas e conseguem essa “sinergia”? Jeph Loeb, chefe da Marvel TV falou ao ComicBook como as séries se comunica com os projetos de Kevin Feige e a Marvel Studios.

“Especificamente para isso [o estalar de dedos de Thanos], o que dissemos é que só não queremos estragar o que está nos Vingadores 4” , disse Loeb. “Nossa história sai antes, então nesse caso em particular, quando há algo cataclísmico, dissemos que nossa história se passa antes do estalar de dedos de Thanos.”

Loeb está certo. Basta assistir rapidamente a qualquer um dos programas da Marvel na Netflix para ver que não há uma linha do tempo real forte. No caso de um programa como o Demolidor, só sabemos que ocorre algum tempo depois do”Incidente”, também conhecido como Batalha de Nova York – ou quando membros da raça Chitauri invadiram Nova York em Vingadores.

Enquanto a temporada mais recente de Agents of SHIELD da ABC, no entanto, referenciam as forças de Thanos (Josh Brolin) invadindo Wakanda em Vingadores: Guerra Infinita, a maioria das propriedades da televisão há muito tempo tem sido cuidadosas em evitar se prender a uma linha do tempo.

Comments