Bingo: O Rei das Manhãs foi destaque na 17ª edição do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro 2018, realizado na terça-feira (18) pela Academia Brasileira de Cinema.

A cinebiografia de Arlindo Barreto dirigida por Daniel Rezende levou oito prêmios dos quinze prêmios da noite, incluindo de Melhor Filme de Ficção.

Outros destaques da noite foram Como Nossos Pais, que rendeu o Troféu Grande Otelo de Melhor Direção para Laís Bodanzky Divinas Divas, filme sobre a vida de artistas trans brasileiras dirigido por Leandra Leal, que venceu na categoria Melhor Documentário.

Outro momento da noite foi a homenagem à Fernanda Montenegro, causando muita emoção ao reencontrar Vinicius Oliveira, parceiro de cena em Central do Brasil (1998). A atriz foi aplaudida pelo público e reverenciada pelos diretores Cacá Diegues, Zelito Vianna e Luiz Carlos Barreto.

Bingo: O Rei das Manhãs levou os prêmios de Longa-metragem de Ficção, Ator (Vladimir Brichta), Ator Coadjuvante (Augusto Madeira), Direção de Arte, Montagem e Voto Popular.

Confira abaixo a lista completa de vencedores:

Melhor Filme de Ficção: Bingo – o Rei das Manhãs

Melhor Filme de Ficção por Voto Popular: Bingo – O Rei das Manhãs

Melhor Direção: Laís Bodanzky por Como Nossos Pais

Melhor Atriz: Maria Ribeiro por Como Nossos Pais

Melhor Ator: Vladimir Brichta por Bingo – O Rei das Manhãs

Melhor Atriz Coadjuvante: Sandra Corveloni por A Glória e a Graça

Melhor Ator Coadjuvante: Augusto Madeira por Bingo – O Rei das Manhãs

Melhor Documentário: Divinas Divas

Melhor Montagem de Documentário: Divinas Divas

Melhor Documentário por Voto Popular: Cora Coralina – Todas as Vidas

Melhor Documentário em Curta Metragem: Ocupação Hotel Cambridge

Melhor Filme Estrangeiro: Uma Mulher Fantástica

Melhor Filme Estrangeiro por Voto Popular: La La Land – Cantando Estações

Melhor Maquiagem: Bingo – O Rei das Manhãs

Melhores Efeitos Visuais: Malasartes e o Duelo com a Morte

Melhor Direção de Arte: Bingo – O Rei das Manhãs

Melhor Roteiro Original: A Glória e a Graça

Melhor Roteiro Adaptado: Real – O Plano por trás da História

Melhor Som: João, o Maestro

Melhor Trilha Sonora: João, o Maestro

Melhor Trilha Sonora Original: O Filme da Minha Vida

Melhor Figurino: Bingo – O Rei das Manhãs

Melhor Direção de Fotografia: A Glória e a Graça

Melhor Filme de Comédia: Divórcio

Melhor Montagem de Ficção: Bingo – O Rei das Manhãs

Melhor Filme Infantil: D.P.A – o Filme

Melhor Longa Animado: Historietas Assombradas – o Filme

Melhor Curta Animado: Vênus – Filó, a Fadinha Lésbica

Comments