O ano de 2018 está repleto de bons filmes, definitivamente, porém, alguns suspenses irão ficar marcados. O melhor exemplo dessa boa safra de terror/suspense é ‘Buscando…’, que chegou de mansinho, sem muito alarde, mas que apresenta uma das narrativas mais intrigantes e interessantes até agora.

Se isso já não é o suficiente, vamos dar aqui mais 5 motivos especiais para assistir ‘Buscando…’ nos cinemas!

1 – Interatividade/Linguagem em português

Sabe quando você assiste uma animação da Pixar e o texto dentro da história está escrito em português? Então, em ‘Buscando…’, todo o texto das redes sociais e aplicativos são em português.

Com isso, a linguagem do filme é surpreendente, do início ao fim, todo o texto inserido dentro da trama foi traduzido. Um trabalho enorme e grande dedicação que a equipe da Sony teve com a versão nacional do longa, quase a construção de um novo filme totalmente do zero. Esse diferencial merece destaque.

2 – Intrigante estilo Hitchcock

Apenas dois suspenses esse ano são dignos de roer as unhas nos cinemas, ‘Um Lugar Silencioso’ e ‘Buscando…’. Esse último, em especial, utiliza o método hitchcockiano para a construção do suspense, que consiste em guiar o espectador por toda a trama, mantendo-o preso e interessado por cada reviravolta do roteiro. Mérito do diretor Aneesh Chaganty, que parece ter estudado muito os filmes do clássico diretor de ‘Psicose’ para construir sua própria narrativa intrigante. Leve bastante pipoca e se prepare para ficar ofegante toda vez que uma pista nova surgir na tela!

3 – Elenco incrível/ Representatividade

O elenco de ‘Buscando…’ tem como pilar o ator John Cho, que sempre participou de filmes como coadjuvante. Agora, protagonizando seu primeiro grande filme. Cho é nascido na Coreia do Sul e sua escolha para o elenco é reflexo da mudança que está acontecendo em Hollywood atualmente, que está abrindo portas para atores e atrizes asiáticos e de outras etnias. Além disso, ele consegue segurar o filme nas costas, se entrega, empregando a emoção de um pai que busca saber o que aconteceu com sua filha e a raiva que o leva a querer saber mais sobre o desaparecimento. Apesar de já ter alguns anos de carreira, vale à pena ficar de olho nele para novos filmes de terror e suspense que deverão surgir.

4 – Atual / Moderno / Detalhado demais

O primo próximo do terror ‘Amizade Desfeita’ (2015), que acabou sendo um dos pioneiros na narrativa baseada na tela de um computador e web câmeras, ‘Buscando…’ pega tudo que deu certo em outros filmes e aperfeiçoa para si. Extremamente atual e moderno, as telas são ricas em detalhes, que nos fazem olhar por todos os cantos buscando, literalmente, por alguma pista que possa ajudar na investigação. Desde o início nos tornamos parte do filme e assumimos o ponto de vista do protagonista. Poucos filmes conseguem ser tão atuais, de forma tão singela e natural assim.

5 – A internet é perigosa, mas não é uma vilã!

Diferente de muitos outros filmes que utilizam a internet como plano de fundo, ‘Buscando…’ não tenta transformar as redes socais em nossas maiores inimigas, muito pelo contrário, o protagonista utiliza todas as ferramentas disponíveis a seu favor, mostrando que, mesmo sendo um lugar perigoso para muitos, também serve como local de pesquisa e investigação. O filme faz sim um alerta sobre o uso exagerado da tecnologia em geral, mas não vilaniza, sua maior lição vem do fato de pontuar a falta de diálogo entre pais e adolescentes, o que pode os levar a seguir perigosos caminhos virtuais.

Ficou interessado? ‘Buscando…’ chega aos cinemas nesta quinta-feira, dia 20. Imperdível!

Leia também a nossa crítica do filme

Comments