Apesar de um forte fim de semana de abertura, o Power Rangers da Lionsgate não deixou sua marca nas bilheterias do ano passado e terminou sua corrida com US$ 142,3 milhões mundialmente  e um orçamento de produção de US$ 100 milhões. Enquanto as conversas sobre sequência pareciam retomar depois que o filme estreou em Blu-ray, essas conversas rapidamente fracassaram e o foco rapidamente voltou para a série de sucesso da televisão e para a comemoração do 25º aniversário.

Depois disso, a Saban permaneceu bastante quieta sobre o futuro dos Power Rangers até fevereiro passado, quando foi relatado que a Hasbro havia adquirido a licença de brinquedos da franquia. Então, toda a situação ficou muito mais interessante quando a principal empresa de brinquedos anunciou no mês passado que havia adquirido toda a franquia Power Rangers, incluindo os direitos de filmes e tv, da Saban Entertainment por US$ 522 milhões.

Como o acordo não deve ser finalizado até o final deste mês, não houve muita informação sobre o futuro da franquia. No entanto, enquanto falava na Hasbro Strategic Decisions Conference na quinta-feira, o CEO da Hasbro Inc. Brian Goldner compartilhou a seguinte declaração em relação à aquisição da franquia Power Rangers da empresa e seus planos de avançar. “O fato de podermos adquirir a marca Power Rangers em nossa estratégia onde a ativamos em entretenimento, filmes no futuro e depois em brinquedos, jogos e produtos de consumo e o fazemos globalmente. Nós sentimos que a marca estava muito pouco alavancada e subvalorizada. Sentimos que podemos explorá-lo muito mais e foi uma ótima oportunidade para adquirir a marca. ”

Embora a continuação da série na televisão seja um dado provável, parece que finalmente recebemos a confirmação de que a Hasbro pretende trazer os heróis coloridos de volta para a tela grande, mais cedo ou mais tarde, mas ainda não se sabe se será uma continuação. do mais recente filme ou se será um novo conjunto de heróis embarcando em uma nova aventura cinematográfica. No entanto, considerando que a Hasbro tem uma parceria altamente lucrativa com a Paramount Pictures, parece cada vez mais improvável que os fãs recebam uma verdadeira sequência do filme dirigido por Dean Israelite que foi apoiado pela Lionsgate. Com a pouca informação que temos no momento, um reboot parece mais provável.

Fonte: ComicBookMovie

Comments